TRANS. DO PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO PECUARIA EM 19/11/2009

TRANS.  DO  PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO  PECUARIA EM  19/11/2009
ALDO VARGAS

TRADIÇÃO E CULTURA

teixeirinha

Loading...

gildo

Loading...

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA AMADA.

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA  AMADA.

Pesquisar este blog

CAPITAL GAUCHA PORTO ALEGRE

CAPITAL GAUCHA  PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

TROPEIRO VELHO

  • TROPEIRO VELHO

TRADIÇÃO E CULTURA

A VOCE CARO VISITANTE E UM PRAZER TER AQUI VISITANDO ESTE BLOG DESTE GAÚCHO, QUE NÃO TEM LADO PARA CHEGAR, GOSTO DE UMA AMIZADE E UM BOA CHARLA, TRATO TODOS COM RESPEITO PARA SER RESPEITADO MAS SE FOR PRECISO QUEBRO O CHAPEU NA TESTA PRA DEFENDER UM AMIGO AGARRO UM TIGRE A UNHA. AGRADEÇO A TODOS QUE DEIXAM SEU RECADO, POSTADO NESTE BLOG.

GALPÃO GAUCHO

GALPÃO  GAUCHO

A BANDEIRA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, TE AMO MEU RIO GRANDE

A  BANDEIRA  DO  ESTADO  DO  RIO GRANDE  DO  SUL,  TE  AMO  MEU  RIO  GRANDE

quinta-feira, 1 de março de 2012


bombeiros, PMs e PCs gastam seu dinheiro
Sabe por que muitos candidatos não ingressam nas tropas especiais? Por que eles são uns ‘fanfarrões’!

O filme Tropa de Elite, que retrata as polícias do Rio de Janeiro, carrega gírias como ‘comédia’ e ‘fanfarrão’ para sujeitos que adotam posturas que beiram o ridículo. Parece que os termos caem bem sobre o governador Sérgio Cabral (PMDB).
Nessa segunda-feira (27), o seu governo publicou o decreto 43.483, que traz ditames nada atraentes aos profissionais dasegurança pública e tampouco democráticos para os dias atuais.
Segundo o documento, “a posse e o exercício em cargo, emprego ou função pelos agentes citados no artigo 1º ficam condicionados à apresentação, pelo interessado, de declaração de bens e valores que integram o seu patrimônio, bem como os do cônjuge, companheiro, filhos ou outra pessoas que vivam sob sua dependência econômica, excluídas apenas os objetos e utensílios de uso doméstico”, diz o artigo 2º.
Mais à frente (art. 9º), a ideia de Cabral determina que “os dirigentes de unidades administrativo-judiciárias da Polícia Civil e os comandantes das organizações policiais militares e dos bombeiros militares deverão permanentemente fiscalizar e identificar, entre seus subordinados, aqueles que exibam sinais exteriores de riqueza incompatíveis com seus vencimentos, bem como aqueles que, de folga, em gozo de férias ou de licença, demonstrem gastos desproporcionais ao seu padrão salarial.”
Sem ‘diferença’
Se a intenção é inibir a corrupção nas polícias, ótimo. A questão é: existem professores corruptos? Médicos corruptos? Juízes corruptos? POLÍTICOS corruptos? E onde está o decreto com a mesma vigilância sobre essas categorias?
Sem rodeios
Se o governador Sérgio Cabral quer mesmo coibir a corrupção nas polícias do seu estado, deveria ter a coragem de apontar os nomes dos vereadores, prefeitos, deputados (estaduais e federais), senadores, juízes e GOVERNADORES que, com o apoio da banda podre da polícia, passam a mão no dinheiro do povo. Sem conversa mole. Simples assim.
Sem condição
O tal decreto quer passar uma imagem de luta contra o mal da corrupção na segurança do RJ, mas será que os gastos com propaganda enganosa e um suposto ‘acordo’ governo-traficantes vão entrar no fisco do governo Cabral?
Senhor governador, o senhor é um fanfarrão!
Clique aqui e veja matéria a respeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog