TRANS. DO PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO PECUARIA EM 19/11/2009

TRANS.  DO  PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO  PECUARIA EM  19/11/2009
ALDO VARGAS

TRADIÇÃO E CULTURA

teixeirinha

Loading...

gildo

Loading...

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA AMADA.

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA  AMADA.

Pesquisar este blog

CAPITAL GAUCHA PORTO ALEGRE

CAPITAL GAUCHA  PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

TROPEIRO VELHO

  • TROPEIRO VELHO

TRADIÇÃO E CULTURA

A VOCE CARO VISITANTE E UM PRAZER TER AQUI VISITANDO ESTE BLOG DESTE GAÚCHO, QUE NÃO TEM LADO PARA CHEGAR, GOSTO DE UMA AMIZADE E UM BOA CHARLA, TRATO TODOS COM RESPEITO PARA SER RESPEITADO MAS SE FOR PRECISO QUEBRO O CHAPEU NA TESTA PRA DEFENDER UM AMIGO AGARRO UM TIGRE A UNHA. AGRADEÇO A TODOS QUE DEIXAM SEU RECADO, POSTADO NESTE BLOG.

GALPÃO GAUCHO

GALPÃO  GAUCHO

A BANDEIRA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, TE AMO MEU RIO GRANDE

A  BANDEIRA  DO  ESTADO  DO  RIO GRANDE  DO  SUL,  TE  AMO  MEU  RIO  GRANDE

terça-feira, 30 de agosto de 2011

POLICIAL MLITAR BALEADO ESTA NA UTI.

PM baleado está na UTI
Postado por abamfbm on agosto 30, 2011 in Geral, Todas notícias | 1 Comentario
Ferido na perna ao tentar impedir o roubo de um carro, domingo à tarde, em frente ao Palácio da Polícia, em Porto Alegre, o soldado da Brigada Militar João Adauto do Prado Medeiros, 41 anos, recupera-se de cirurgia na UTI do Hospital de Pronto Socorro. Até o começo da noite de ontem, o estado de saúde do PM era considerado estável.

De acordo com o tenente-coronel Altemir Lima, comandante do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM), unidade onde trabalha o soldado, o disparo provocou grande perda de sangue. O caso é investigado pela 11ª Delegacia da Polícia Civil, e o 1º BPM também abriu um inquérito policial-militar para apurar o crime.

Fardado, esperando um ônibus para ir até o 1º BPM, onde começaria seu turno de serviço às 19h, Medeiros tentou impedir que três homens roubassem um Clio por volta das 18h. Houve troca de tiros, e depois de atingir o PM, o trio fugiu com o veículo. O episódio aconteceu na Avenida Ipiranga, no lado oposto ao do Palácio da Polícia.

No momento não havia PMs patrulhando os arredores, e Medeiros foi levado ao HPS por populares, o que gerou críticas de moradores das imediações. Os primeiros PMs que apareceram no local estavam na Área Judiciária do Palácio, registrando uma ocorrência. De acordo com o comandante do 1º BPM, no momento do crime, 350 PMs policiavam a região, mas com as atenções voltadas ao Gre-Nal, no Estádio Olímpico.

– Fizemos policiamento ao longo da Ipiranga, mas não podemos colocar um PM em cada esquina. Aquela área é protegida, tem sempre PMs por ali, e o número de ocorrências é quase zero – afirmou o tenente-coronel Lima.

Houve pelo menos outras duas no mesmo dia. Há suspeitas de que os mesmos criminosos que balearam o PM tenham participado de outros dois roubos a veículos na Ipiranga – de um Picasso C4 e de um Sandero.

ZERO HORA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog