TRANS. DO PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO PECUARIA EM 19/11/2009

TRANS.  DO  PROGRAMA ENTARDECER NA FRONTEIRA DIRETO  PECUARIA EM  19/11/2009
ALDO VARGAS

TRADIÇÃO E CULTURA

teixeirinha

Loading...

gildo

Loading...

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA AMADA.

SANTANA LIVRAMENTO MINHA TERRA  AMADA.

Pesquisar este blog

CAPITAL GAUCHA PORTO ALEGRE

CAPITAL GAUCHA  PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

ESTADIO BEIRA RIO PORTO ALEGRE

TROPEIRO VELHO

  • TROPEIRO VELHO

TRADIÇÃO E CULTURA

A VOCE CARO VISITANTE E UM PRAZER TER AQUI VISITANDO ESTE BLOG DESTE GAÚCHO, QUE NÃO TEM LADO PARA CHEGAR, GOSTO DE UMA AMIZADE E UM BOA CHARLA, TRATO TODOS COM RESPEITO PARA SER RESPEITADO MAS SE FOR PRECISO QUEBRO O CHAPEU NA TESTA PRA DEFENDER UM AMIGO AGARRO UM TIGRE A UNHA. AGRADEÇO A TODOS QUE DEIXAM SEU RECADO, POSTADO NESTE BLOG.

GALPÃO GAUCHO

GALPÃO  GAUCHO

A BANDEIRA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, TE AMO MEU RIO GRANDE

A  BANDEIRA  DO  ESTADO  DO  RIO GRANDE  DO  SUL,  TE  AMO  MEU  RIO  GRANDE

sábado, 18 de setembro de 2010

BLOG DO DAG: QUANDO A ASCENSÃO SOCIAL CAUSA MEDO E PERPLEXIDADE...

BLOG DO DAG: QUANDO A ASCENSÃO SOCIAL CAUSA MEDO E PERPLEXIDADE...: "Por Luiz Carlos Azenha Há, por toda parte, da direita à esquerda, uma certa perplexidade. Intelectuais à esquerda e à direita se debruçam s..."

BLOG DO DAG: MUITO ESCÂNDALO PARA NADA

BLOG DO DAG: MUITO ESCÂNDALO PARA NADA: "Por Luciano Martins Costa em 14/9/2010, no Observatório da Imprensa A campanha eleitoral já acabou na imprensa, soterrada pela temporada de..."

DECISÃO JUDICIAL AMEAÇA REDUZIR NUMERO DE VIATURAS DA BM NO ESTADO.

Decisão judicial ameaça reduzir número de viaturas da BM nas ruas do Estado



Pela decisão, somente PMs com curso de motorista em situação de risco poderiam conduzir viaturas da corporação



Foto: ZERO HORA
Decisão judicial ameaça reduzir número de viaturas da BM nas ruas do Estado

Uma decisão da Justiça de Santa Maria, na região central do Estado, ameaça paralisar o policiamento motorizado da Brigada Militar em todo o Rio Grande do Sul.

Com a finalidade de evitar acidentes com as viaturas da corporação, a decisão, da juíza Denize Terezinha Sassi, aponta que somente policiais militares com curso especializado de motorista em situação de risco podem dirigir um carro da BM.

No entanto, atualmente, de acordo com o comandante-geral da BM, coronel João Carlos Trindade, poucos policiais possuem a preparação exigida.

— Ordens judiciais a gente cumpre. Mas, se os motoristas que não tiverem habilitação forem impedidos de dirigir, vai parar todo o serviço de policiamento e de bombeiros. Isso seria uma temeridade — afirmou Trindade.

Autora da ação contra o Estado do Rio Grande do Sul, a Associação de Cabos e Soldados da Brigada Militar tenta há três anos colocar em vigor alguma medida para proteger os servidores que dirigem viaturas.

Segundo a entidade, o motivo da ação é o alto número de acidentes envolvendo os condutores dos veículos. Entre oito e 10 PMs teriam morrido em dois anos em consequência de suposto despreparo ao volante para situações de risco, conforme o presidente da associação, soldado Leonel Lucas.

— A Brigada, infelizmente, nunca deu o curso. Somos punidos por desatenção e temos de indenizar o Estado quando há danos às viaturas. Esses dias, um policial estava perseguindo um assaltante e bateu em um poste. Ele pegou dois dias de detenção por desatenção e está sendo cobrado em R$ 32 mil. A intenção é parar com toda essa aberração — afirmou o dirigente.

Apesar de entender que a situação prejudicaria o policiamento, Lucas não concorda que a associação seria a culpada por um colapso no policiamento motorizada.

— A culpa não é nossa. A culpada é a administração — afirmou.

Como o comando da BM ainda precisa ser notificado pela Justiça, o que deve ocorrer na terça-feira, Trindade afirma que aproveitará o feriado para buscar uma solução ao problema, conseguir mais tempo ou arranjar uma reunião com a magistrada. Ele evitou críticas à juíza, mas questionou a iniciativa da Associação de Cabos e Soldados.

— A associação não veio falar comigo, não apresentou uma proposta de treinamento, não trouxe documentação mostrando o problema. Ingressaram em juízo, simplesmente.





Notícia Postada em 18/09/2010 às 10:48:49 por: Redação site ABAMF

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

O BICO OFICIAL NAS POLICIAS BRASILEIRA

O bico oficial nas polícias brasileiras




Há algumas semanas atrás a Polícia Militar do Distrito Federal, PMDF, tomou uma medida que gerou polêmica: o “bico”, atividade profissional secundária outrora ilegal, foi legalizado, possibilitando, inclusive, que policiais militares exerçam a profissão de seguranças particulares, conforme consta no Boletim do Comando Geral da PMDF nº 066, abril/2010:
Art. 1º É permitido ao policial militar exercer atividade remunerada, na iniciativa privada, desde que não haja contrariedade às prescrições contidas nos arts. 29 e 30 da Lei nº 7.289/84.
Art. 2º A atividade laboral a ser exercida pelo policial militar em seu horário de folga não deverá ser atentatória à moral, à ética e ao decoro da classe, e deverá ser exercida em conformidade aos regramentos que regulamentam a atividade profissional por ele executada.
Art. 3º A atividade extracorporativa exercida pelo policial militar em horário de folga não poderá prejudicar a qualidade dos serviços prestados na Corporação, devendo, dessa forma, haver compatibilidade de horários e funções, visando garantir o cumprimento do princípio da supremacia do interesse público sobre o privado.

O curioso é que a medida foi pioneiramente adotada pela corporação policial militar que tem os melhores salários do Brasil, colocando em jogo a seguinte pergunta: o bico na área da segurança, que cria distorções e perversões em sua relação com a ilegalidade, terá fim com o aumento salarial nas polícias brasileiras? A resposta, demonstrada pela PMDF, é negativa. A PM distrital adotou a medida justamente por causa da larga existência do bico como prática de complementação salarial entre seus policiais.
Baixos salários obrigam os policiais militares a se submeterem ao bico, inclusive àqueles efetuados em condições inadequadas para a sua segurança, no âmbito informal ou ilegal. Salários dignos são a primeira medida para o combate a essa distorção.
Mas não basta. O vínculo entre a segurança pública e a segurança privada só pode existir de uma forma, “por cima”, onde o policial trabalha através da mediação e controle da corporação a que pertence com a empresa interessada. Na prática, o serviço será o de segurança pública, direcionado a determinado estabelecimento ou localidade. Caso haja qualquer diligência envolvendo o interesse público, o policial poderá e deverá intervir.
Iniciativas louváveis já existem no Brasil, como a da Polícia Militar do Estado de São Paulo, que realiza parceria com a Prefeitura Municipal de São Paulo, na “Operação Delegada”:
Hoje, cerca de 4 mil policiais patrulham vias da Sé, no centro, Santana, zona norte, Santo Amaro e Vila Mariana, zona sul, Lapa e Pinheiros, zona oeste, e recebem R$ 113 por dia. A cidade tem cerca de 25 mil policiais militares que podem aderir à operação, que reduziu cerca de 37% a ocorrência de crimes de roubo e furto no centro, segundo a Secretaria da Segurança Pública.
A comparação é entre junho e julho de 2009 e 2010 nas Ruas Aurora, Santa Ifigênia e Timbiras. “A operação melhorou o comércio, trouxe mais segurança e tranquilidade para os consumidores”, avaliou Kassab. “Vamos continuar sendo muito duros com o comércio irregular”, disse o prefeito, sem revelar o nome de ruas que receberão o projeto.(Postado dia 14/8 em Notícias Gerais)





Notícia Postada em 18/08/2010 às 11:45:42 por: Redação site ABAMF





PUBLICIDADES





PATROCÍNIO






Copyrigth © 2010 :: ABAMF- Associação Beneficente Antonio Mendes Filho da Brigada Militar :: - Todos os direitos reservados


Termos de Uso Política de Privacidade Desenvolvido por arfhpoa!

if (window.screen.width >= 1024) { document.write ('

OLHA ELES DE NOVO SÓ QUEREM O BEM BOM OS PRAÇAS QUE SE LIXEM.

JAMAIS OS OFICIAIS VÃO DEFENDER OS PRAÇAS. ELES SÓ QUEREM SU BEM ESTAR, O RESTO DA TROPA QUE PASSE FOME?Subsídio //// Tratamento Isonômico //// Carreira Superior /// Nivel Médio



Quanto à extinção da casa militar ou defesa civil, me tranqüilizou, informando que não há previsão de extinção e sim um redimensionamento



Foto: Blog Cel Trindade - Cmt Geral da BM
Subsídio //// Tratamento Isonômico //// Carreira Superior /// Nivel Médio

Hoje à tarde (15 Set), acompanhei a senhora governadora Yeda na reunião com o Presidente da Associação dos Oficiais da Brigada Militar;
O presidente da ASOF - Ten Cel (RR) Riccardi apresentou toda a argumentação referente ao tratamento salarial das carreiras de nível superior do Estado (Capitão a Coronel). Está na busca do subsídio; Pediu ainda a manutenção da Casa Militar e da Defesa Civil.
A Governadora respondeu que a questão do subsídio é paulatina e continuada. Já foi iniciado o processo com algumas carreiras de Estado e na seqüência, outras serão atendidas, entre as quais a Segurança Pública e a Fazendária. A Segurança Pública será atendida como um todo, sem que uma Instituição ou Categoria tenha preferência em relação à outra.


No final da tarde, no Gabinete da Governadora, ampliei o assunto, particularmente quanto à carreira do nível médio, ao que a Governadora assinalou que, a carreira de nível médio da Brigada Militar terá tratamento isonômico com as carreiras de Estado de mesmo nível;
Quanto à extinção da casa militar ou defesa civil, me tranqüilizou, informando que não há previsão de extinção e sim um redimensionamento, reduzindo algumas tarefas administrativas, juntando outras, aplicando método moderno de gerenciamento.
A Defesa Civil manterá a mesma estrutura e funções. O que muda é a ligação. Deixará de ser subordinada à Casa Militar e passará a ser denominada Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, ligada ao Gabinete da Governadora. As REDEC serão mantidas no mínimo com a mesma estrutura atual.






Notícia Postada em 16/09/2010 às 23:56:53 por: Redação site ABAMF

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

AS LETRAS DO TROVADOR DO RIO GRANDE.

A Cachaça
A Grande Perda do Brasil
A Mula do Falecido Palmeira
A Vida de Rodogério Santana
A Vida de Romão Vieira
Abre o Olho Rapaz
Acordeona
Agradeço a Jesus
Aguardo Sua Visita
Ajudando a Medicina
Alerta Geral
Apaixonite Aguda
Assunto Delicado
Aventura de um Gaúcho
Baile de Respeito
Baile do Chico Torto
Baile dos cabeludos
Briga de Casal
Briga no Carreiramento
Brincando Com a Rima
Brincando Com As Mulheres
Campereada de Amor
Carta pra Mamãe
Casinha do pé de Umbu
Cigana
Cinco Comparações
Cinco Mulheres
Companheira Amiga
Conformação de filho
Confusão no Baile
Conhecendo o Brasil
Conversando Com a Viola
Definiçâo das pilchas
Definição do Grito
Desafio Amigável
Desafio de um Paulista e de um Gaúcho
Desafio do Padre Rubens Pilar
Despedida do Rio Grande
Dizem que o poeta é louco
Do Outro Lado da Estrada
Dois Poderes
Duas Mães Perdidas
É assim que eu sou
Escola do Mundo
Espantem a Tristeza
Estrada da Vida
Eu Não Sou Convencido
Eu Reconheço Que Sou Um Grosso
Faca Prateada
Faça Sorrir A Criança
Feliz Caçada
Figueira amiga
Filho Abandonado
Filho da natureza
Filho sem Coração
Fiz Uma Moça Chorar
Frente Única
Gaúcho Bom é Assim
Gaúcho Caprichoso
Gaúcho Fracassado
Gaúcho Guapo
Gostei lá do Paraná
Historia de João Emanuel
História de um fazendeiro
História do Manuelito
Historia dos Passarinhos
Homem feio não possui mulher bonita
Homem Sem Coragem
Homenagem a um Amigo
Homenagem a Uruguaiana
Ignorância e Cultura
Infância Pobre
Inspiração de Poeta
Já Dormi Em Cemitério
João de Barro
Lembrança Do Passado
Levante Os Olhos Menina
Me enganei com você
Meu Conselho
Meu Principio
Meu Sofrimento
Meu Xote Amigo
Minha vivenda
Morena de Santana
Mula Preta
Não Dê Um Presente Errado
Não Enjeito Proposta
Não Me Faças Sofrer
Não mexa com quem está quieto
Não posso dizer teu nome
Não posso viver sozinho
Não Sou Convencido
Nós Somos Todos Iguais
O Cachorro E O Tatu
Oração de São Jorge
Pedidos de um Gaúcho
Percorrendo o Rio Grande
Pingo Tordilho
Pinheiro Sagrado
Por Ser a Vida Um Espelho
Promessa Para Seca
Proteção às Mães
Prova de Amor
Prova de Repentista
Que Jeito Têm a Mariana
Que negrinha boa
Quero Ver Minha Mãe
Rancho de Capim Barreado
Rancho Sem Vida
Rancho Vazio
Recordação do Passado
Rei da Caçada
Resposta da Adaga de Ésse
Resposta da milonga
Resposta Do Facão De Três Listas
Resposta do Relho Trançado
Retorno do papai
São Jorge Seja Meu Guia
Saravá pra Ti
Saudação aos Afilhados
Saudade dos Pagos
Saudades de Minha Terra
Sem Você Não Sou Feliz
Show do Gildo
Sinais dos Tempos
Sistema Dos Pagos
Sombra de Cestia
Sonhei com você
Sonhei que fui ao céu
Sonho de Grosso
Todos Devemos Rezar
Trança De China
Três Tormentos
Trova do Gildo
Valsa Das Marias
Venha Comigo Mariquinha
Vida Brava
Vida de Camponês
- Virar fã
- Cifras
- Baixe no celular
- Ouvir música
- Fotos
- Vídeos
- Álbuns
- Imprimir todas
- Enviar letra
- Pedir letra
- Camisetas
1 voto Atual 5/5 estrelas. ? ?? ??? ???? ????? 144.173 exibições Ver mais fotos

VAMOS VER ESSE DEBATE DOS PRESIDENCIAVEIS

2010/07/15 05:54 nm
Brasil terá o 1º debate das eleições 2010 pela internet nos portais IG, MSN, Terra e Yahoo! no dia 26 de julho


Agência Brasil
Os portais iG, MSN, Terra e Yahoo! abrem as rodadas de debates das Eleições 2010 com os candidatos à Presidência da República, na internet, em uma iniciativa inédita, no dia 26 de julho.

Ao vivo e 100% digital, o Debate On-Line 2010 será transmitido simultaneamente nos quatro portais, que representam 23 milhões de usuários únicos, atingindo 95% dos internautas de todo o país, segundo relatório do Ibope NetRatings, de junho de 2010.

Diferentemente dos debates tradicionais, o Debate On-Line 2010 promovido pelos portais iG, MSN, Terra e Yahoo! terá o usuário da internet como foco central na interação com os candidatos, com canal aberto no Twitter nodebateonlinebr para envio de perguntas no dia do evento.

Os candidatos estarão frente a frente com o eleitor, pela internet, durante 90 minutos, das 15h00 às 16h30, período de maior audiência nos quatro portais.

Serão convidados os candidatos que apresentaram mais de cinco por cento da intenção de votos, segundo a pesquisa Ibope, no mês de junho.

A data, inicialmente prevista para 31 de agosto, foi antecipada após alinhamentos entre os portais e os coordenadores das campanhas dos presidenciáveis. A medida foi tomada em respeito às agendas dos candidatos que terão trabalhos acelerados com o corpo a corpo com os eleitores, em todo o país.

O debate será aberto pelos próprios candidatos fazendo perguntas entre si sobre os temas que os internautas irão sugerir pelos portais, nos dias que antecedem o encontro. Em seguida haverá perguntas dos jornalistas dos portais e dois blocos de perguntas dos usuários.

Dividido em quatro blocos a interação com os candidatos convidados será integralmente pautada pelos internautas, o que fortalecerá o processo democrático num debate com a própria sociedade.
publicidadeEnquete

Qual o tema de mais importância para você nas eleições 2010 para presidente?
SaúdeSegurançaEmpregoEducaçãoMeio Ambiente
Clique aqui para ver os resultados


Qual o tema de mais importância para você nas eleições 2010 para presidente?
Saúde
19%Segurança
39%Emprego
9%Educação
27%Meio Ambiente
6%20301 votos. Resultado não tem valor científico.Mais notíciasProcuradores repudiam 'tentativa de intimidação' do PT
Em SP, 15 candidatos são enquadrados por 'ficha suja'
Receita apura servidora no ABC por IR violado
Procuradora aciona mais PSDB do que PT, diz TSE
Marina quer atingir 200 mil seguidores no Twitter
Mais no MSN Brasil

domingo, 12 de setembro de 2010

PARA QUE SERVE OS ESTRIBOS....

ESTES SERVEM PARA COMPLETAR A FIRMEZA E EQUILIBRIO DO GAÚCHO NOS ARREIOS.
CAMPERIAR SEM ESTRIBOS E TAREFA DIFICIL E INCOMODA. O GAÚCHO ALTANEIRO E MEIO DEVERTIDO USA OS ESTRIBOS BEM COMPRIDOS, AO PONTO DE ESTRIVA-LOS SÓ COM O BICO DA BOTA POREM O CAMPEIRO MODERADO ENFIA TODO O PÉ NO ESTRIBO PISANDO NELES COM FIRMESA. PARA GALOPEAR MUMN POTRO OS ESTRIBOS DEVEM SER MAIS CURTO DO QUE PARA A LIDA DE CAMPO.
OS ESTRIBOS SÃO PRESO AO CIRIGOTE PELOS LOROS ESTES PODEM SER FEITO DE COURO CRU OU DE SOLA.
QUANDO SE TEM DE ELEVAR UM CAVALO DE TIRO E NO CABRESTO A GRANDE DISTANCIA E ACONSELHAVEL CRUZAR OS ESTRIBOS POR CIMA DA CABEÇA DO CIRIGOTE APERTANDO COM OS PELEGOS, AFIM DE NÃO IREM BATENDO A TOA E ENCOMODANDO O CAVALO QUE PODE SE ASSUSTAR COM OS ESTRIBOS BATENDO SOLTO.
É O FREIO TAMBEM DEVE SER TIRADO E METIDO JUNTO COM OS ESTRIBOS EM BAIXO DOS PELEGOS DESTA MANEIRA UM CAVALO CABRESTEIA MELHOR. E AINDA FALANDO DE ESTRIBO A MAIOR GAÚCHADA QUE PODIA FAZER UM GINETE PARA DEONSTRAR SUA PERICIA NOS ARREIOS ERA DESDENHAR OS ESTRIBOS ISTO E CRUZAVA-VOAS POR BAIXO DOS PELEGOS NA CABEÇA DO CIRIGOTE SALTAVA PARA CIMA DO POTRO E SAIA AQUENTANDO OS CORCOVIO DO CAVALO XUCRO DE CORDA, SÓ SE AFIRMANDO NAS REDEAS E NOS ARREIOS EM EPOCAS REMOTA QUANDO O GAÚCHO ERA DAR PELEIA SÓ COM O FERRO BRANCO AS BRIGAS DE ADAGAS MUITO COMUM NAS GRANDES CARREREADAS DOS RINCOES OU EM CITUAÇÕES DIFICIL QUE NÃO PODIA RESOLVER COM A BOA CONVERSA ELE APELAVA PARA SEU D[FACÃO TRES LISTA, CASO CONTRARIO ELE USAVA O ESTRIBO COMO ARMA DESAFIAVA O LORO E ARMADO COM ELE TENDO NA PONTA UM ESTRIBO AMARRADO TORNAVA-SE MAIS DESTRO PARA DEFENDER-SE. PAR ARREMATAR CORRENDO EM PLENO CAMPO A FACA PERDE O FIO E O GAUCHO USA O ESTRIBO PARA AFIAR E COMPLETAR SUA LIDA CAMPEIRA OU ATE CARNEAR UM CAPÃO DE CONSUMO PARA LEVAR PARA A FAZENDA. ASSIM CONTEI MAIS UMA ESTORIA DESTE NOSSO RIO GRANDE AMADO DE EPOCAS PASSADA HOJE ESTA TUDO MAIS PRATICO E MODERNO MAIS AINDA SE ENCONTRA ESSE TIPO DE HOMEM DO CAMPO POR ALGUMAS BANDAS. ASS GAUCHO ALDO VARGAS

Arquivo do blog